Li esse do John Grisham porque gosto das histórias de julgamento americanas e porque gosto do autor em geral. O título resume a história: “O homem inocente: assassinato e injustiça numa cidade pequena”. Trata-se de uma história real, o que melhora as chances da obra, por assim dizer. Mas o livro é loooongo, detalhadísssimo, o que cansa. De repente me vi pulando várias páginas e ainda assim compreendendo todo o enredo.

Lido em sueco.

Advertisements