“Volátil”

January 8, 2001

Esse aqui não tem capa. Trata-se do livro de Elizabeth Fernandes Xavier Ferreira, irmã da minha tia Tereza Cristina (mãe da Ana Flavia, minha amiga de faculdade). Elizabeth, corajosa, publicou um livro de poesia como seu début. Quando abri o livro para lembrar de poesias que gostei mais, vi uma carta muito delicada dela, dirigida a mim. Falava sobre amor entre pessoas diferentes e vidas que têm outros rumos. Não sei o que fiz pra merecer ter contato com a família da Ana, mas deve ter sido algo muito bom. À poesia:

IntegralMuitos me amam
pelas mesmas razões,
puro eco de seus
próprios anseios.

Só você enfrenta
o açoite de minha
face sombria:
me ama, apesar de tudo
e de sua própria razão,
por inteiro.

Lido em português

Advertisements