Como pode-se notar, gostei muito mesmo de Elisabeth George. Esse, o terceiro da série com o inspetor Linley e a sargento da Scotland Yard Barbara Havers, passa-se num colégio privado inglês e gira em torno da morte de um menino de 13 anos. Gosto de como Elisabeth George constrói a trama, vai nos levando de um lado pro outro, até que, no final, chega-se à conclusão de que apenas um dos muitos suspeitos é que poderia ter cometido o crime.

Lido em inglês