Comprei o livro escrito por Cathrine Schück e Maria Helander porque tinha as duas coisas que mais gosto no momento: KBT (terapia cognitiva) e LCHF (Low Carb and High Fat), mas achei o livro fraco. Tem exercícios interessantes, que eu não fiz, mas ainda assim eram interessantes. Se bem que, depois de ter feito terapia cognitiva, acho impossível que alguém possa ter os benefícios da terapia apenas lendo um livro. É necessário uma pessoa do lado, ensinando, lidando com o que aparece durante a terapia. Senão não adianta.

Lido em sueco.

Advertisements

O segundo livro de Martin Ingvar, Gunilla Eldh não foi uma anunciação, como o primeiro. Esse é mais uma continuação, com receitinhas e tals. Gostei menos, muito menos, até porque senti falta da ciência popular que é o conteúdo principal do primeiro livro. Mas, mesmo assim, não posso me queixar. Dou três corações.

Lido em sueco.