Sou fã de J.K Rowling. Não vou escrever jamais nada contra ela porque os livros do Harry Potter já me renderam tantos dias felizes que seria um absurdo. Tenho mais é que ser grata. Pra ser sincera, nem me lembro mais o conteúdo desse quinto livro, mas, garanto: é divertimento certo. Agora estou lendo o sexto livro, sobre o qual escrevei em breve. Acho que é um dos melhores até agora. Recomendo muitíssimo sempre, todos.

Lido em inglês.

Advertisements

"Svarta Sekunder"

July 12, 2003

O segundo livro que li de Karin Fossum. Esse livro, cujo título traduzido é “Segundos Negros”, ganhou prêmio de melhor romance criminal estrangeiro aqui na Suécia em 2002. A história é terrível: Ida, de nove anos, sai de casa de bicicleta pra ir comprar uma revista sobre cavalos e nunca mais volta pra casa. Acompanhamos, então, o desespero da mãe de Ida, Helga Jones. Mesmo sendo ficção, o livro mexeu comigo. Não pude deixar de imaginar que coisa pavorosa essa situação. Bem escrito, como sempre. Mas meio previsível.

Lido em sueco.

"Blindgång"

July 1, 2003

Achei que tinha encontrado uma escritora sueca de cuja obra eu gostaria sem limites. Até que li esse “Andando às cegas” (tradução minha). Detestei esse livro. Acho que é porque finalmente me deparei com a face da Marianne Fredriksson que escreve muito sobre religião, o que existia em todos os outros livros, mas de forma muito mais sutil. Mas, é ainda uma parte do retrato do povo sueco, I supose.

Lido em sueco.