“Bitterfittan”

January 22, 2008

O romance feminista de Maria Sveland foi muito discutido quando lançado. O título é intraduzível (isso aqui é um blog de família!), mas diz respeito à amargura que algumas mulheres que resolvem levar a frente a equação filho+trabalho sentem. A razão da amargura seria a falta de igualdade da vida, do que se espera delas em relação do que se espera dos homens na mesma situação. Mas, principalmente, como elas mesmas se exigem uma série de coisas simultaneamente e, claro, falham, e se enchem de culpa. Ask me if it rings a bell… Oh yeah.

Lido em sueco.

One Response to ““Bitterfittan””

  1. Gui Mallon Says:

    Super interessante o teu blogg Maria. Estava aqui zanzando pela internet procurando saber se existe alguma tradução para portugues da minha poetisa favorita, Edith Södergran, e eis que te encontrei.

    Andei muito por Umeå no início da minha vida na Suécia, mas agora vivo em Gotemburgo. Achei você uma mente brilhante, aguçada. Simpatizei de graça contigo .
    Sou “amancebado”, ou seja, “sambo” com uma escritora e artista plástica sueca. Te desejo muitas felicidades aí no Norte, que tem um povo legal, mais descomplicado que no resto da Suécia.
    (teorias sociológicas a parte:-)

    Se o meu site for muito chato, tem outro no myspace que fizeram pra mim:
    http://www.myspace.com/guimallon

    Saudações do
    Gui Mallon


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: